Arquivo da tag: escassez

refugiados

No mundo atual, ser capaz de contribuir para o bem-estar comum por meio do trabalho é como se fosse um privilégio. Neste mundo, a única maneira de construir uma vida parece ser ganhando dinheiro. Não qualquer rendimento, mas uma posição vantajosa e imerecida, um benefício extraordinário produzido à margem do valor que o trabalho gera. São os lucros gerados por grandes empresas através de regulamentos adaptados ou monopólios, que existem apenas por imposição legal, como a propriedade intelectual. São “incentivos” fixados e inflados pelos mesmos executivos que os recebem, ou propinas advindas do acesso privilegiado a determinadas posições e contratos, públicas ou privadas.

Este tipo de riqueza facilmente torna-se cumulativa e gera uma espiral de desigualdade quando o acesso à informação e educação depende da renda pessoal ou quando a competição garante que serviços sejam sistematicamente restritos, como rotineiramente faz o Estado em setores-chave como a energia, as telecomunicações ou na mídia.

Em um mundo de privilégios e propinas tudo parece um jogo de soma zero, onde alguém ganha porque outros perdem. A desconfiança de tudo e todos, instituições e indivíduos, é a norma.

David Ugarte  – https://lasindias.com/manifiesto-comunero  (versão livre)

Anúncios